Como dar entrada na aposentadoria?

Como dar entrada na aposentadoria;

Como dar entrada na aposentadoria?

Já pode dar entrada na aposentadoria? Iremos hoje te mostrar como fazer!

Agora está mais fácil, pois você não precisa ir até o INSS, o pedido é feita pela internet. Tudo de forma simples e rápida.

Atualmente, existem 4 (quatro) formas de aposentadoria que são:

Documentos necessários:

Você precisará dos documentos básicos, scaneados:

  • Identificação pessoal, como RG e CPF;
  • Carteira de trabalho;
  • Extrato de contribuição (CNIS);
  • Comprovante de residência;
  • Requerimento por escrito;
  • Comprovantes de atividade especial;
  • Carnês de contribuição.

Passo-a-passo:

Primeiramente, você precisar ter acesso ao aplicativo ou site do Meu INSS. Aqui nos temos informações de como baixar e acessar.

Dentro das opções de serviços você seleciona “Pedir aposentadoria”.

Pedir aposentadoria;
Novo pedido aposentadoria;
Pedir aposentadoria;
Pedir aposentadoria;

Posteriormente, é só escolher que tipo de benefício você deseja pedir.

Antes de selecionar, você poderá fazer uma simulação do benefício e tempo de contribuição.

Opções aposentadoria;
Opções aposentadoria;

Da mesma forma, você vai selecionar a opção que deseja, só ir avançando e colocando seus dados solicitados na tela.

Ao final você anexa os documentos informados acima. Não se assuste, se você não possuir o documento indicado (comprovante do exercício de atividade no serviço público, por exemplo), bastará não colocar nada.

Por fim, aparecerá uma tela com o resumo do seu pedido e, mais abaixo, você deverá clicar na caixa em branco, confirmando que todas as informações que você inseriu no requerimento são verdadeiras.

Portanto, o seu requerimento de aposentadoria foi feito! Super simples, né?

Agora, basta aguardar o resultado da sua solicitação. Você verá se sua aposentadoria foi concedida ou não no Meu INSS.

Quanto tempo leva após a dar entrada?

Na teoria, seriam 45 para o retorno do pedido, porém o prazo não é cumprido, podendo levar até 90 dias.

Lembrando que o INSS paga os valores atrasados retroativamente, quando o pedido é aprovado e o benefício concedido.

Ou seja, o beneficiário que tem seu pedido deferido têm direito a receber os valores que correspondem ao período de espera.

Qual a sua dúvida?

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.